Luciano Huck já tem partido e vice presidente

0
750

Luciano Huck vai mesmo ser candidato a presidência da república em 2018. Nesta semana ele tomou 3 importantes decisões: Escolheu o partido, o nome do vice-presidente e o ministro que irá gerir a economia do Brasil em caso de sua vitória.

O apresentador de televisão Luciano Huck reuniu-se, no final da tarde de hoje, no Rio de Janeiro, com o deputado Roberto Freire (SP), presidente do PPS, e o ministro Raul Julgman, da Defesa, também do PPS.

Foi na casa do economista Armínio Fraga, ex-presidente do Banco Central no governo de Fernando Henrique Cardoso (PSDB). Tudo indica que Armínio Fraga já esteja construindo o projeto de governo de Huck, uma vez que ele será o ministro da fazenda indicado pelo PPS.

Freire acredita que Huck poderá se filiar ao PPS antes do fim do ano. Em março, o PPS fará seu congresso nacional para anunciar o nome do apresentador.

O governador do Espírito Santo, Paulo Hartung, hoje no PMDB, também participou do jantar de ontem com Luciano Huck na casa de Armínio Fraga. Hartung foi convidado para ser vice na chapa encabeçada pelo apresentador. O estado do Espírito Santo é atualmente o único estado sem dívidas e com a Folha de Pagamento em dia em função da habilidade de planejamento e gestão de Paulo Hartung.

Paulo Hartung já foi cortejado por João Dória que também o quer como vice. O PMDB avalia a possibilidade de lança-lo como vice de Michel Temer ou até mesmo apresentá-lo como candidato a presidente do PMDB.

O plano agora é tirar com um único golpe Bolsonaro e Lula da campanha presidencial. O Tribunal Superior Eleitoral deve julgar ainda neste ano dois processos envolvendo o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e o deputado federal Jair Bolsonaro (PSC-RJ) por propaganda eleitoral antecipada na internet.

Para o Ministério Público Eleitoral, vídeos que foram divulgados na internet fazem referência direta às candidaturas dos dois ao Planalto. Eles lideram as pesquisas e já anunciaram publicamente a intenção de concorrer em 2018. De acordo com a legislação, a propaganda eleitoral somente é permitida a partir de 15 de agosto do ano da eleição e prevê multa de R$ 5 mil a R$ 25 mil para quem violar a restrição.

Com Bolsonaro e Lula fora do páreo as chances de Luciano Huck ficam muito ampliadas.

 

Comentários

Comentários