Galã da música gospel será candidato ao Senado

0
291

Galã da música gospel será candidato ao Senado se depender apenas da vontade da bancada evangélica. A estratégia é lançar um nome de forte potencial de votos que impacte o resultado da eleição e traga peso pra defesa de causas ligadas a proteção da família tradicional brasileira.

Algumas lideranças políticas e religiosas estão indicando nomes fortes do segmento evangélico para tentar aumentar a representatividade do grupo no Congresso Nacional. O principal foco é o Senado onde temos apenas três senadores evangélicos. O objetivo é chegar em 15.

Nomes como o do cantor André Valadão foram levantados pelo grupo articulado, entre outras pessoas, pelo deputado Sóstenes Cavalcante, e pelo bispo Robson Rodovalho, da igreja Sara Nossa Terra.

Além de ser um dos principais cantores do meio gospel, André Valadão é pastor e está morando nos Estados Unidos onde acabou de inaugurar a Igreja Lagoinha de Orlando.

O galã da música gospel já se envolveu em diversas polêmicas nas redes sociais.

O cantor gospel André Valadão usou as redes sociais para promover um boicote a algumas marcas “em defesa das crianças e da família brasileira”, dentre elas a Globo, mas foi criticado pelos seguidores. Muitos o lembraram do contrato que mantém com a gravadora Som Livre, criada em 1969 para lançar as trilhas sonoras das novelas da emissora carioca. Ele também criticou a revista Veja, a marca de sabão em pó Omo e as empresas de cosméticos Avon e O Boticário por terem apoiado, recentemente, campanhas sobre a diversidade sexual ou tratado do tema.

 

 

 

Comentários

Comentários