Carlos Bolsonaro pode cometer suicídio

0
371

Carlos Bolsonaro pode cometer suicídio. Esta é a avaliação parte de psicanalistas que estão analisando os padrões de comportamento do filho do presidente.

O quadro de depressão que apresenta delírios de perseguição é um dos sintomas mais próximos do suicídio. E justamente nesta diagnose que os psicanalistas que foram ouvidos pela reportagem apontaram coo explicação para o comportamento explosivo e provocador do vereador Carlos Bolsonaro.

O psicanalista Ubyrajara Moreira Madeira vem estudando o comportamento do filho do presidente há 3 meses e apontou um indício perigoso no padrão de pensamento de Carlos. Segundo o Dr. Ubyrajara;
Carlos aparenta estar vivendo um T.D.I. (Transtorno Delirante Induzido). O transtorno delirante induzido é dividido por duas ou mais pessoas fortemente ligadas emocionalmente. É frequente em famílias, e apenas uma das partes apresenta delírios autênticos, sendo o outro induzido a eles. No caso em questão a figura do guru Olavo de Carvalho
pode estar passando delírios aos filhos do presidente que acreditam no que ele diz.  De todos os filhos, Carlos é o mais suscetível a alienação emocional.

O psicanalista Nário Dutra Percês é ainda mais direto em sua observação do comportamento de Carlos Bolsonaro: O Carlos possui uma percepção falsa sobre a realidade, necessariamente baseada em um estímulo externo. É um erro de julgamento. Ele está sendo induzido ao erro por um maipulador que perceber a fragilidade emocional do filho em contradições íntimas.

A psicanalista Maria Auxiliadora Tavares Lima e Silva faz a avaliação mais preocupante: Este é o estágio mais perigoso da depressão. Existem diversos sintomas de pré-anúncio de um suicídio. A família precisa estar muito atenta para não ser surpreendida pela pior notícia.

O psicanalista paulo Girardelli revelou em vídeo a origem do conflito de Carlos Bolsonaro. Confira:

Comentários

Comentários